segunda-feira, 29 de março de 2010

Declaração

Tanto mais me ponho a ensinar, mais e mais descubro que só tenho a aprender.


Tanto mais me dedico a amar, mais aparece em mim uma vontade nua de amada ser.


Tanto mais caminho na direção, tanto mais me perco.


Tanto mais perdida, mais me encontro.


Tanto mais escrevo, mais quero escrever.


Tanto mais me leio, menos quero te esquecer.

Um comentário:

Zari disse...

clap clap! Incrível esse! Amei. beijocas
Mari